ITAM Melhores Práticas 2: Acompanhe o Ciclo de Vida Completo dos Ativos

No segundo post desta série, você vai aprender como controlar o ciclo de vida completo dos ativos.  O objetivo é  conhecer o estado atual de cada ativo no seu ambiente.

GESTAO-DE-ATIVOS-400x275

As organizações têm as suas políticas de aquisições de ativos únicos, de manutenção e de exclusão. Você precisa definir um ciclo de vida para seus ativos,  e cobrir todas as fases do ativo em sua organização. Cada estado do ativo pode ter um ou mais estados a ele associado.

A configuração do ciclo de vida dos ativos estão tipicamente associados com os estados dos ativos associados

  • Solicitação de ativos (requerido)
  • Aprovação (aguardando aprovação, aprovado)
  • Aquisitado (comprados, alugados)
  • Implantação (em instalação, instalado)
  • Uso (em uso)
  • Armazenamento (na loja, em reparação)
  • Vencimento (expirado / depreciados)
  • Eliminação (eliminados)

No diagrama acima, um ativo é inicialmente solicitado por um departamento ou um usuário. Um pedido de compra é então levantado  e enviado para aprovação. Após a aprovação, o ativo é adquirido e instalado no ambiente de TI. O ativo é então colocada em uso, mapeando-o a um  usuário. Se o ativo precisa ser reparado ou não esta atualmente em uso, ele é colocado no armazenamento. Finalmente, se o ativo esta expirado ou depreciado,  uma decisão deve ser tomada, descarte ou reutilização do ativo.

Outra tarefa importante é controlar  os estados dos ativos  meticulosamente pois eles são dinâmicos. Por exemplo, uma estação de trabalho pode ser utilizada por alguns dias e, em seguida, mantido em armazenamento até que surge a necessidade seguinte. Portanto, é importante que você atualize periodicamente os  estados  de seus ativos e manter-los atualizados. 

Os avanços tecnológicos têm nos beneficiados com os conceitos de identificação de ativos, como códigos de barras, RFID e GPS, que simplificam o rastreamento dos ativos. Esses conceitos de rastreamento de ativos ajudam a  conciliar as propriedades, localizações e configurações de hardware de ativos de forma contínua. 

Vamos dar uma olhada nos benefícios do rastreamento de ativos

1.  Dados  dos ativos se tornam mais confiável

Ter informações atualizadas e precisas sobre seus ativos, em um determinado ponto no tempo, ajuda a tomar as decisões corretas.

2. Oferece Escalabilidade

Como sua empresa cresce em tamanho, o número de ativos de TI necessários para suportar os seus aumentos de operações de negócio. Um processo de controle de ativos de TI adequada ajuda a controlar e manter os ativos com  o mínimo de esforço, independentemente dos números. Isso permite que sua equipe concentre na resolução de questões do que rastrear os ativos.

3.  Você pode planejar com antecedência para qualquer Surge no Requisito IT Asset

Vamos usar o exemplo do Walmart. Durante sua época de pico, a empresa contrata funcionários temporários para atender à demanda extra. Este, por sua vez, provoca um aumento na  exigência do dispositivo. A empresa precisa ter um estoque ideal de dispositivos para executar seus negócios sem interrupções. Esta estimativa do estoque  só pode ser facilmente identificado  se os ativos existentes são monitorados adequadamente.

No próximo post, veremos como gerenciar licenças de software e em um só lugar. Gostaria de conhecer mais sobre o ServiceDesk Plus ou outras de nossas ferramentas? O time da ACSoftware terá o prazer de lhe atender.

ACSoftware / Figo Software seu Distribuidor e Revenda ManageEngine no Brasil
Fone (11) 4063 1007 – Vendas (11) 4063 9639

Deixe um comentário