Cinco razões para escolher o Log360 da ManageEngine, parte 2: Suporte a vários ambientes

No post anterior desta série, vimos como é fácil colocar o Log360 em funcionamento devido aos vários recursos de implantação e à interface do usuário fácil de usar. Hoje, vamos nos aprofundar na ampla gama de suporte da solução para fontes de eventos em vários ambientes.

EventLog Analyzer - Brasil

Servidores e estações de trabalho. Com o Log360, você pode se aprofundar facilmente nos eventos que ocorrem em todos os servidores e estações de trabalho Windows, Unix / Linux e IBM na sua rede. Essa é uma expectativa básica de qualquer solução SIEM, e o Log360 não decepciona, pois oferece um vasto conjunto de relatórios pré-definidos para ajudá-lo a auditar as atividades nesses sistemas.

Ambientes do Active Directory. Com uma auditoria detalhada do AD, você garantirá que você fique por dentro de todas as atividades do usuário, incluindo as atividades dos usuários com privilégios. A auditoria do AD ajuda você a rastrear todos os eventos críticos do AD e é especialmente útil na detecção de ameaças internas.

Dispositivos de rede. A importância de auditar seus firewalls de rede, roteadores, switches e dispositivos IDS / IPS é frequentemente ignorada. Examinando esses dispositivos, você pode entender os padrões de tráfego em sua rede, o que, por sua vez, permite proteger seu perímetro de rede contra ataques externos. O Log360 também oferece suporte integrado para dispositivos de rede de vários fornecedores, incluindo Cisco, SonicWall, HP, Fortinet, Sophos e WatchGuard.

Aplicações. Os aplicativos são responsáveis ​​por muitas atividades relacionadas a negócios em sua rede. Consequentemente, eles lidam com muitas informações comerciais confidenciais no processo. É essencial acompanhar todos os eventos provenientes de seus bancos de dados, servidores da Web e outros aplicativos para que você possa evitar ou conter violações de dados e garantir a continuidade dos negócios. O Log360 fornece suporte imediato aos servidores Web Microsoft SQL Server, Oracle Database, IIS e Apache.

Servidores de arquivos. Sua rede armazena muitos arquivos críticos, incluindo arquivos binários relacionados a sistemas operacionais e drivers de rede, configurações de rede e arquivos de configurações, arquivos de negócios confidenciais e arquivos de log de rede. É importante monitorar todas as alterações para garantir a integridade desses arquivos. O Log360 fornece relatórios detalhados sobre todas as alterações feitas nos servidores de arquivos Linux, Windows, EMC e NetApp.

Ambientes de nuvem. À medida que as empresas migram para a nuvem e os funcionários se tornam cada vez mais móveis, uma porcentagem maior da atividade de rede ocorre na nuvem. Obter uma visão completa da rede, é necessário monitorar os ambientes de nuvem. O Log360 fornece relatórios detalhados para as instâncias do Amazon Web Services, do Microsoft Azure, do Active Directory do Azure e do Exchange Online, além de vários outros aplicativos na nuvem, incluindo Salesforce, OneDrive for Business e Skype for Business.

Ambientes do Exchange Server. O Log360 ajuda você a auditar instâncias locais do Exchange Server, além do Exchange Online.

Soluções de endpoint. Ao auditar centralmente as informações de soluções de segurança de endpoints, como scanners de vulnerabilidades, soluções de ameaças e aplicativos DLP, você obtém uma visão abrangente da postura de segurança de seus endpoints. O Log360 suporta Symantec, Malwarebytes, FireEye, Nessus, Qualys, Nexpose e muito mais.

Ambientes virtuais. A obtenção de visibilidade em seus ambientes virtuais ajuda a garantir que todas as configurações virtuais estejam adequadamente configuradas e protegidas contra acesso não autorizado.

Com suporte para uma vasta gama de fontes de log, o Log360 ajuda você a receber uma visão completa de sua rede, garantindo que você esteja sempre ciente de todas e quaisquer atividades. Gostaria de começar a usar o Log360? Experimente uma avaliação gratuita de 30 dias, contando com apoio da equipe ACSoftware sua revendedora ManageEngine no Brasil!

Deixe um comentário