Fluxo de Trabalho Permite a Verificação, Automação e Exatidão

Fluxo de trabalho permite múltiplas funções/responsabilidades dos envolvidos em um processo que muitas vezes é automatizado. Por exemplo, a adição de um empregado pode incluir o RH, o gerente de departamento, o administrador do Active Directory, um técnico, etc. Há muitas organizações que usam o fluxo de trabalho devido à separação de funções ou regulamentações de conformidade. As empresas que não utilizam o fluxo de trabalho podem considerar o controle que o fluxo de trabalho fornece e algumas tarefas de automação, o que pode não fornecer 100% de entradas corretas.

Com o advento do PowerShell, especialmente o módulo do Active Directory para PowerShell, os administradores têm tentado automatizar certas tarefas que ocorrem no Active Directory em uma base regular. A questão não é se deve ou não utilizar. O PowerShell pode completar a tarefa, o problema é o fato de que PowerShell não permite qualquer verificação para o que ele vai fazer, então erros podem ocorrer a muitos objetos no Active Directory sem notificação. Tentar recuperar uma modificação no Active Directory que PowerShell realizou pode ser demorado.

Se o PowerShell tiver fornecido um processo de fluxo de trabalho pode ser uma solução sólida para o gerenciamento do Active Directory. No entanto, essa opção não existe sem incontáveis horas de codificações e testes.

Fluxo de trabalho pode melhorar a automação, permitindo que o administrador verifique se as mudanças que estão sendo sugeridas pelo processo de automação estão corretos!

Vamos discutir um processo simples que pode ser automatizada: nova criação do usuário.

Para as organizações que não utilizam o fluxo de trabalho de hoje, você pode ter tido problemas com PowerShell realizando ações incorretas sobre as novas contas de usuários. Automatizando novas criações de usuários com o PowerShell requer arquivos complexos em CSV ou scripts complexos e um pequeno erro de digitação ou entrada incorreta pode causar dados incorretos significativos colocados no Active Directory. Sem fluxo de trabalho, é quase impossível saber quando ocorrem problemas.

Agora, considere o mesmo processo de automatizar nova criação de usuário, mas com fluxo de trabalho. Em vez de a automação apenas inserir informações no Active Directory sem qualquer capacidade de verificar os dados, uma mensagem é enviada a um ou mais administradores que podem verificar a exatidão dos dados.

As Figuras 1 e 2 ilustram as simples, mas poderosas, opções de revisão disponíveis com fluxo de trabalho do ADManager Plus.

wor22

Figura 1. ADManager Plus fornece um resumo dos novos usuários que precisam ser criados

work11

Figura 2. ADManager Plus oferece uma interface simples e fácil de ler e a avaliar novos detalhes dos usuários

Com apenas alguns segundos de verificação, os novos usuários adicionados em Active Directory podem ter nomes corretos, grupos, configurações, etc. Você não vai mais passar o tempo peneirando o Active Directory tentando encontrar os usuários que foram configurados incorretamente com o PowerShell!

Inove e realize os testes de 30 dias do ManageEngine ADManager Plus, contando sempre com o apoio da equipe ACSoftware.

Deixe um comentário